GRIPE (INFLUENZA)

PROTOCOLO DA INFLUENZA

INFORME PARA POPULAÇÃO SOBRE GRIPE (INFLUENZA)

Recomendações referentes à prevenção e controle da síndrome gripal (SG) e síndrome respiratória aguda grave (SRAG)

A Secretaria Municipal de Saúde de Porto Velho/RO, por meio Divisão de Vigilância Epidemiológica/DVE, do Departamento de Vigilância em Saúde/DVS, INFORMA quanto a circulação do vírus da Síndrome Gripal (SG) e Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza na região norte, do Brasil e ORIENTA a população.

CONCEITOS:

• Síndrome Gripal (SG): Indivíduo que apresente febre de início súbito, mesmo que referida, acompanhada de tosse ou dor de garganta e, pelo menos, um dos seguintes sintomas: cefaleia, mialgia ou artralgia, na ausência de outro diagnóstico específico. Em crianças com menos de 2 anos de idade, considera-se também como caso de síndrome gripal: febre de início súbito (mesmo que referida) e sintomas respiratórios (tosse, coriza e obstrução nasal), na ausência de outro diagnóstico específico

• Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG): Indivíduo de qualquer idade, com síndrome gripal e que apresente dispneia ou sinais de gravidade: sinais de desconforto respiratório ou aumento da frequência respiratória

O primeiro acesso da população aos serviços de saúde, deve ser nas Unidades de Saúde da Família, mais próxima de sua residência, onde receberão orientações quanto as medidas de promoção e a proteção da saúde, a prevenção de agravos, o diagnóstico, o tratamento e a reabilitação. Clique aqui para verificar quais unidades procurar.


IMPORTANTE: A Unidade de Pronto Atendimento deve ser procurada imediatamente, caso apresente algum desses sintomas: dificuldade para respirar, lábios com coloração azulada ou roxeada, dor ou pressão abdominal ou no peito, tontura ou vertigem, vômito persistente, convulsão.

O que é influenza?

A influenza, também conhecida como “gripe”, ocorre durante oano todo, mas é mais frequente no outono e inverno, quando as temperaturas caem.

A influenza pode aparecer de duas formas:

Síndrome Gripal que é mais que é mais frequente, ou como Síndrome Respiratória Aguda Grave – SRAG, (um quadro com sinais e sintomas de maior gravidade e que leva à internação).

Sintomas

  • Febre de início súbito
  • Tosse
  • Dor de Garganta
  • Dor de Cabeça
  • Dor muscular ou nas articulações

Caso apresente estes sintomas, procure uma unidade de saúde.

Síndrome Gripal

  • Além dos sintomas acima crianças com menos de 2 anos de idade também podem apresentar sintomas como tosse, coriza e obstrução nasal.
  • Os sintomas da gripe costumam melhorar em uma semana.
  • A febre (temperatura >= 37,8ºC) diminui de 2 a 3 dias do início da doença.
  • A tosse, a fadiga e o mal-estar podem persistir por algumas semanas.

Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG)

Apresenta os mesmo sintomas acima, além de falta de ar e sinais de desconforto respiratório. Ela também pode ser caracterizada pela queda do oxigênio no sangue e da pressão arterial.

FLUXOGRAMA DE ATENDIMENTO SRAG

Para redução do risco de adquirir ou transmitir doenças respiratórias, especialmente as de grande infectividade, como vírus Influenza, orienta-se que sejam adotadas medidas gerais de prevenção, tais como:

  • Frequente higienização das mãos, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter os ambientes bem ventilados;
  • Evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de influenza;
  • Evitar sair de casa em período de transmissão da doença;
  • Evitar aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados);
  • Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos e
  • Orientar o afastamento temporário (trabalho, escola etc.) até 24 horas após cessar a febre;

Indivíduos que apresentem sintomas de gripe devem:

  • Evitar sair de casa em período de transmissão da doença (até 7 dias após o início dos sintomas);
  • Restringir ambiente de trabalho para evitar disseminação;
  • Evitar aglomerações e ambientes fechados, procurando manter os ambientes ventilados;
  • Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.


IMUNIZAÇÃO

A vacinação contra a influenza foi incorporada no Programa Nacional de Imunizações em 1999, com o propósito de reduzir internações, complicações e mortes na população alvo* para a vacinação no Brasil.


*População Alvo

  • Crianças de 06 meses a 05 anos
  • Trabalhadores da Saúde
  • Gestantes
  • Puérperas
  • Indígenas
  • Idosos
  • Professores
  • População privada de liberdade
  • Funcionários do sistema prisional
  • Portadores de comorbidade

Fonte: SUS

logotipo da prefeitura de porto velho